quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Final Showdown

Sessão ocorrida em 01/08/2009 – Journal Entry #005

Chamber of Statues

Saímos da sala que continha o cubo gelatinoso e continuamos nossa busca. Chegamos nesta sala:

















A sala continha 1 Titan Statue (a que está com espada na mão), 2 Dragon Statues (à esquerda) e 1 Whirlpool Trap (no lado oposto da sala, entre aquelas quatro estátuas de querubins).
Paramos na porta e examinamos a sala. A poeira parecia remexida recentemente. Entramos e logo a Titan Statue ativou e girou a espada, acertanto alguns de nós. Thowyn o Bardo e Godgedemed se esquivaram para a esquerda da estátua e em seguida foram atingidos pela baforada das estátuas-dragão. Aghro, Goc e Sidewinder correram para a parede da direita.
Sidewinder correu em direção à porta e ficou preso na Whirlpool Trap. A sala começou a encher de água. Em Off, ficamos tranquilos pois ele é um druida e pode se transformar em qualquer animal, não ia morrer afogado. Aghro tentou ajudá-lo destruindo a estátua na força bruta. Sua violência foi imediamente retaliada pelas estátuas dragão, que dispararam raios de energia nele, o que o desincentivou a continuar batendo. Goc, estudante de artes místicas e ladinagem, logo tratou de desarmar o dispositivo.
















Enquanto isso, Thowyn e Godgedémed tentavam desarmar as estátuas dragão, sem sucesso. Foram atingidos inúmeras vezes, até sangrar.

O compartimento armadilha se encheu de água. A correnteza do redemoinho jogava o druida contra as paredes. Sidewinder, então, se transformou num polvo e ficou agarrado em uma estátua e tentou desativar o dispositivo arcano. Carinhosamente, batizamos essa armadilha de Máquina de Lavar.
Enfim, a máquina de lavar foi desligada pelo Warlock e o Druida e após alguns minutos as outras armadilhas desativaram. Ficamos descansando um pouco na sala, discutindo se continuávamos ou não com a jornada, pois estávamos muito feridos.

Nossa discussão atraiu a atenção de uma patrulha. Esse combate minou nossos útlimos recursos, precisávamos descansar e não daria tempo de voltar para a cidade, então, fomos para a sala santuário (Knight Tomb) descansar após inúmeros combates.



Ghoul Warren
















Chegamos a uma sala escura contendo os seguintes monstros:
1 ghoul (G)
12 zombie rotters (R)
2 zombies (Z)
1 clay scout (S)

Como estávamos descansados, foi um combate sem maiores problemas. Basicamente, acendemos sunrods, fechamos os corredores e esperamos os inimigos virem em nossa direção. Encontramos tesouro e seguimos nosso caminho.

Cathedral of Shadows

Agora é que o bicho começa a pegar.






















Chegamos em um grande salão fedendo a sangue. Vimos um clérigo cercado por vários asseclas, logo exclamamos: É o Kalarel! Mas não era...
O clérigo diz algumas coisas para um imp, que mergulha no buraco no chão. Provavelmente para avisar Kalarel de nossa vinda.
1 Orcus underpriest (U)
1 Dark creeper (C)
2 Human berserkers (B)
5 Vampire spawn (V)

Os berserker correram em nossa direção, os interceptamos no corredor central.
















Vencemos, mas já estávamos ficando aterrorizados. Kalarel sabia da nossa presença, vimos muitos corpos sacrificados em nome de Orcus. Sangue escorrendo para um buraco, onde devíamos entrar. As correntes ensanguentadas eram muito escorregadias, não achamos aquilo seguro e resolvemos usar nossas cordas como segurança extra na descida. Lá embaixo, a única coisa que conseguíamos enxergar era a piscina de sangue.

The Shadowrift

Descemos e fomos alvejados por uma saraivada de flechas. Alguns de nós escorregaram e se machucaram na queda. O bárbaro e o warlock ficaram seriamente feridos.

















O pensamento que passou na nossa cabeça foi: Fodeu...é TPK hoje!
Aí o mestre pega as caixas de sapato que ele trouxe SELADAS de casa e começa a abrir. E aos poucos vai montando o cenário:












































TOTAL MIND BLOWING
Eu nunca tinha jogado RPG nesse nível de detalhes. Olha só esses props de papercraft. Tem colunas, altar, obelisco, portal com ou sem monstro e até uma estátua de Orcus feita com durepox.








O Imp x9 avisa Kalarel de nossa chegada e somos recepcionados por uma saraivada de flechas. Em cima do altar está o corpo do Doven Staul.


















De um lado, temos Kalarel, um imp que dispara um raio atordoante e alguns esqueletos arqueiros que deixavam os personagens lentos.


















Temos também um portal, com tentáculos de escuridão saindo dele. A coisa no portal usava poderes telepáticos para atrair os personagens para perto dele.
















Do lado oposto, uma assustadora estátua de Orcus.


















Rolamos a iniciativa e começa o combate. O bárbaro e o warlock estavam feridos. A primeira coisa que o bardo fez foi inspirá-los nesse último combate.





















O bárbaro correu para cima da Wight. Mas antes matou alguns esqueletos. Logo notamos que a Wight tem poder para ressuscitar mortos vivos.

O warlock amaldiçoou e tentou explodir muitos esqueletos com seus raios de energia feérica, mas a sorte não estava ao seu lado.

O bardo utilizou suas canções mágicas para nos proteger e auxiliar.

O druida usou seus ataques em área para destroçar os esqueletos.

O warden estava lento devido ao ataque do esqueleto. Então, utilizou seu poder diário que cria uma área de cover para os aliados. Assim que pôde, correu em direção ao Kalarel para pregá-lo na parede, mas o maldito se teleportou para a frente do portal.






















Gódgedémed destruiu a Wight e os outros esqueletos com apoio de Sidewinder. Góc continuou errando seus ataques. Thowyn atacava os esqueletos e o Imp que estavam do outro lado da sala. Aghro, surpreso por Kalarel ter se teleportado, atacou o alvo mais próximo, o incômodo Imp.

Terminamos de derrotar os asseclas de Kalarel e fomos enfrentá-lo sozinho.

















Aghro tinha assumido sua forma de Arauto do Inverno. Ele e o possante Goliath cercaram Kalarel.

Mas nossos golpes não estavam acertando. Em determinado momento, os místicos do nosso grupo (Góc e Thowyn) perceberam que o círculo mágico estava protegendo Kalarel. Então, tentamos agarrá-lo para arrastá-lo para fora do círculo, sem sucesso. Passamos então a tentar empurrá-lo para fora, sem sucesso também. Então, Carl Glittergold sorriu para Góc e ele passou a acertar suas rajadas feéricas (inclusive alguns acertos críticos), finalizando o Kalarel. O portal sugou o corpo dele, nem pudemos arrancar sua cabeça como troféu.

Vencemos, mas faltava ainda fechar o portal. Nossos místicos, fizeram o ritual para fechá-lo, com o apoio dos outros membros do grupo, que enviaram energia vital (healing surge) para auxiliar o processo.

















Portal fechado, missão cumprida!

Destruimos a estátua de Orcus, saqueamos os itens materiais (pq dinheiro não tem alinhamento) e voltamos para a cidade.

Fim da Campanha: Keep on the Shadowfell

















Da esquerda para a direita: Caio (O mestre), Sombra (Goliath Barbarian), Tsu (Anão Warden), Daniel (Bardo Humano), Yuri (Shifter Druida), Toro (Gnomo Warlock).

10 comentários:

Rey Jr disse...

clap clap clap clap clap!

Sem comentários, não consigo pensar em nada pq tá chovendo miolos aqui ainda....

Tsu disse...

poutz...formatar esse post tá foda...
toda vez q entro pra editar, muda tudo...ô diacho

Renan disse...

Bacana demais. WTG!

Yuri disse...

Total Mind Blowing... uma das melhores aventuras que já joguei.

Douglas3 disse...

Caio, inacreditável seu esmero para essa aventura. Fiquei de boca aberta! Não quer levar esse material para mestrar para iniciantes na RPGCON? Melhor, não quer me vender esses props? ><

Gnoelfo disse...

Muito bom o report!
E com disse o D3, inacreditável mesmo o esmero para com essa aventura.

Zebode disse...

Muito obrigado pelos elogios galera. Foi uma aventura muito boa de se mestrar e o esmero vale pela fidelidade e dedicação do grupo. Foi cerca de 1 mês para fazer todos os props nos meus poucos tempos livres.

D3. Posso mestrar na rpgcon sim. Fazer uma aventura que culmine nesse ambiente. Qd vai ocorrer a proxima? QQ coisa me contate no email zebode@gmail.com

Qt a vendê-los, ai preciso pensar seriamente. Como foi o primeiro diorama da minha vida, esse tem um lugarzinho especial na prateleira. hehe

[]´s

Rick disse...

Caras... cade a atualização desse blog????

A aventura tá D20, ops, D+ (hehehe)

Tsu disse...

Rick, não tem atualização pq não jogamos essa campanha ainda.

Veja no contos de rpg a aventura em q entramos no cemitério dos dragoes.

Em breve, teremos outro post aqui

Anônimo disse...

Onde vocês compraram as miniaturas?